About Me

My photo
Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil
As antigas civilizações viam na vestimenta as possibilidades de manifestarem as suas verdades e suas ligações com o corpo. Acreditavam que esses dois elementos não se separam nunca, pois tudo é interligado, marcando com isso a singularidade da beleza de cada um. É com esse propósito que crio minhas estampas, para que elas vistam o corpo e a alma. Entrem em contato: marlyarte@yahoo.com.br

Sunday, December 17, 2006


Vou abrir parênteses para falar de amor
e deitar propósitos, ainda que sem tempo.

Ainda que meu olho veja entre a multidão,
ainda que a palavra amareleça
e se torne gasta e consumida.
Quem sabe alguém encontrará como sucata
de um discurso vazio
feito um pote de tintas guardado.

Vou querer brilhar nas laterais
e ler no out door tantas linguas estrangeiras
tão distantes de meu país e de minha humanidade.
Jogo na selva minhas esperanças de sobrevivência
porque faliram todas.
Vou mudar o verso de lugar,
as montanhas já não são possíveis.
Ficou tudo perto demais.
Discurso cheio demais.
Fruta acre de sabor estrangeiro...

No comments:

Blog Archive

com o coração

com o coração
É assim que faço

Ilustrando